Tenho direito à tarifa social? Tudo o que precisa saber
Goldenergy,

Tenho direito à tarifa social? Tudo o que precisa saber

Tabela de conteúdos

A tarifa social de energia, aplicada ao valor da eletricidade e/ou gás natural, pode fazer toda a diferença nas suas despesas mensais. Este desconto na fatura energética é atribuído pela Direção Geral de Energia e Geologia de forma automática. Descubra se tem direito à tarifa social.

Se se encontra numa situação de carência económica, sendo já beneficiário de uma prestação social, pode ser um potencial candidato. Leia o nosso artigo e informe-se sobre o que é a tarifa social de energia, quem tem direito e como solicitar este apoio.

O que é a tarifa social de energia

A tarifa social de energia é um desconto aplicado à tarifa da eletricidade e/ou de gás natural. Este apoio social tem por objetivo ajudar os consumidores em situação de carência ou numa situação económica mais frágil, reduzindo o valor da fatura energética.

A atribuição do apoio social está a cargo da Direção-Geral da Energia e Geologia (DGEG). O processo de seleção é composto por uma análise da lista de clientes finais dos agentes energéticos, depois de verificada a sua elegibilidade junto da Autoridade Tributária e Aduaneira e da Segurança Social.

A tarifa social de energia é constituída pela tarifa social de eletricidade e pela tarifa social de gás natural. Cada uma destas tem as suas próprias condições e especificidades. Continue a ler e fique a saber mais sobre cada um delas.

Tarifa social de eletricidade

A tarifa social de eletricidade é um desconto de 33,8% aplicado na fatura final de eletricidade, baixando o valor da mesma. Este desconto é suportado pelos próprios fornecedores de energia e não pelo Estado ou pelos restantes consumidores.

A tarifa é aplicada de forma diferente no mercado regulado e no mercado livre de energia. No mercado regulado de energia, o desconto é aplicado sobre o valor a pagar antes do acréscimo do IVA. Isto é, sobre as tarifas transitórias. Já no mercado livre de energia, graças à Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), funciona de forma diferente. O desconto é aplicado sobre o termo de potência e de consumo.

Tarifa social de gás natural

A tarifa social de gás natural é um desconto de 31,2% aplicado sobre as tarifas transitórias de venda ou sobre as tarifas do mercado livre de energia. Este valor é calculado pela ERSE e deve ser comunicado de forma transparente ao cliente, para que este saiba de que está a usufruir.

A tarifa social de gás natural é suportada pelo própria fornecedora de gás natural.

Quem tem direito à tarifa social de energia?

Qualquer pessoa tem direito à tarifa social de energia, desde que cumpra com as regras de elegibilidade da tarifa social de eletricidade e/ou tarifa social de gás natural. A tarifa é aplicada independentemente do comercializador ou fornecedor de energia.

A 1 de julho de 2016, a tarifa social de energia passou a ser atribuída de forma automática, deixando de ser obrigatório o envio pelo cliente da documentação que comprovasse a sua elegibilidade. Graças à alteração na lei, os comercializadores de energia ganharam autonomia para a aplicar, após indicação da DGEG.

Como referido anteriormente, as duas tarifas sociais que compõem a tarifa social de energia têm regras próprias. Apresentamo-las de seguida para que não fique com nenhuma dúvida.

Elegibilidade para eletricidade

Para ser elegível à tarifa social de eletricidade, ou seja, ter direito à mesma, deve seguir as seguintes regras:

1) A potência contratada na sua residência permanente deverá ser inferior ou igual a 6,9kVA.
2) Ser titular do contrato
3) O cliente deverá ser beneficiário de umas das seguintes prestações:
– Complemento solidário para idosos
– Rendimento social de inserção
– Subsídio social de desemprego
– Abono de família
– Pensão social de invalidez
– Pensão social de velhice

No caso de não receber qualquer apoio da Segurança Social, há ainda outra alternativa. Pode ter acesso a este desconto caso o seu rendimento total anual do seu agregado familiar for igual ou inferior 5.808€. A este valor pode ainda ser acrescido 50% por cada elemento do agregado familiar que não receba qualquer rendimento (até ao máximo de 10). Na seguinte tabela encontra os valores do rendimento anual máximo elegível, de acordo com o número de elementos do agregado familiar:

Nº de elementos do agregado familiar Rendimento anual máximo elegível
1 5.808€
2 8.712€
3 11.616€
4 14.520€
5 17.424€
6 20.328€
7 23.232€
8 26.136€
9 29.040€
10 31.944€

Elegibilidade para gás natural

Para ser elegível à tarifa social de gás natural, ou seja, ter direito à mesma, deve seguir as seguintes regras:

1) O escalão de consumo na habitação permanente deverá ser o 1 ou o 2
2) Ser titular do contrato
3) O cliente deverá ser beneficiário de umas das seguintes prestações:
– Complemento solidário para idosos
– Rendimento social de inserção
– Subsídio social de desemprego
– 1º escalão de abono de família
– Pensão social de invalidez

Como solicitar a tarifa social de energia?

O acesso à tarifa social de energia é feito de forma automática. A DGEG cruza os dados dos clientes que recebe dos fornecedores e comercializadores de energia, verificando a elegibilidade dos mesmos junto da Autoridade Tributária e Aduaneira e da Segurança Social. Após concluído este processo, os potenciais beneficiários são identificados e a tarifa social é automaticamente aplicada.

A automatização e simplificação do processo fez com que o pedido de acesso ao apoio social deixasse de ser uma preocupação do cliente.

No entanto, caso o cliente o queira fazer, o processo tem apenas dois passos:
1. Requerer um documento que comprove quem tem direito à tarifa social à Segurança Social e/ou à Autoridade Tributária e Aduaneira;
2. Apresentar o documento ao comercializador/fornecedor de energia.

Este comprovativo deve indicar o nome, o NIF (n.º de identificação fiscal) e a morada permanente do titular do contrato de energia (que deve ser a mesma do local de consumo onde pretende que o desconto seja aplicado).

Caso seja cliente Goldenergy, deve preencher o nosso formulário e ter uma declaração da Segurança Social em como está na lista de beneficiários da DGEG e enviar diretamente para o e-mail tarifasocial@goldenergy.pt ou por carta (Quinta do Almor, Fraga de Almotelia, Loja 4, R/C B – 5000-061 Vila Real) ou entregue numa loja ou agente Gold. Nas restantes comercializadoras, os potenciais beneficiários devem fazer da mesma forma: requerer a declaração junto da Segurança Social ou Autoridade Tributária e Aduaneira e apresentá-lo à sua comercializadora.

Perguntas e respostas sobre o direito à tarifa social

Para além dos tópicos já abordados, existem ainda outras questões relativas à tarifa social de energia que lhe podem surgir.

1 – Posso recusar a atribuição da tarifa social de energia?

Sim, pode. Caso se queira opor à atribuição da tarifa social de energia, tem 30 dias para o fazer junto do seu comercializador de energia.

2 – Caso mude de casa, o que devo fazer para continuar a ter direito à tarifa social?

Na eventualidade de mudar de casa e, consequentemente, a morada de habitação, o processo é simples. Terá de entregar o documento que comprove que tem direito ao desconto social, emitido pela Segurança Social ou pela Autoridade Tributária e Aduaneira, já com os seus dados atualizados, ao seu comercializador/fornecedor de energia.

3 – Até quando é que tenho direito à tarifa social de energia?

Em setembro de cada ano, a DGEG verifica e confirma a elegibilidade do cliente. Assim sendo, enquanto cumprir com as regras de elegibilidade da tarifa social de energia (seja de eletricidade ou gás natural), terá direito à mesma.

4 – Que valores podem ser descontados?

Deixamos aqui as tabelas com os valores que pode vir a ter de desconto. Pode também verificar no site da segurança social.

Potência contratada Valor do desconto (mensal)
1.15 kva 1.38€ (c/iva)
2.3 kva 2.76 € (c/iva)
3.45 kva 4.15€ (c/iva)
4.60 kva 5.54€(c/iva)
5.75 kva 6.92€ (c/iva)
6.9 kva 8.30€ (c/iva)
Energia Valor do desconto por kwh
Tarifa Simples 0.0287
Tarifa bi-horária horas do fora vazio 0.0297
Tarifa bi-horária horas do vazio 0.0292
Tarifa tri-horária horas do fora vazio 0.0297
Tarifa tri-horária horas do vazio 0.0289
Tarifa tri-horária horas de ponta 0.0292

Partilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Quer aderir? Nós ligamos, grátis.

Deixe os seus dados para entrarmos em contacto consigo.

Poupe em casa e cuide do planeta escolhendo energia 100% verde.

Quer receber primeiro uma proposta? Simule e veja quanto vai poupar.

Artigos recentes

Mude para a Goldenergy para perceber porque é que somos a comercializadora de eleição de centenas de milhares de portugueses....
Neste artigo, vamos falar sobre a tarifa tri-horária, aquela que divide o seu consumo de eletricidade em três tarifas, mais...
Já alguma vez analisou o seu tarifário de eletricidade? Será a tarifa bi-horária a mais acertada para si? Está a...

Mais lidos

Se ainda não é nosso cliente, agora vai querer ser. Conheça o nosso programa Member Get Member e saiba como...
Nos períodos de confinamento a recolha da leitura pelo técnico pode estar condicionada e é importante comunicar o consumo para...
Durante o mês de Novembro de 2020 o setor da energia assistiu a mais um importante passo na agilização de...