Goldenergy,

Quanto custa carregar um automóvel elétrico?

Índice

Conduz ou quer conduzir um elétrico? Já pesquisou sobre apoios do Estado, vantagens da condução, benefícios para o meio ambiente e preços dos carros… Mas será que já sabe quanto custa carregar um automóvel elétrico? Tão importante quanto perceber os diversos prós deste tipo de mobilidade, é conferir, em detalhe, quanto vai gastar quando tomar essa decisão para o seu dia a dia.

Se compararmos o que se gasta para abastecer um depósito de gasóleo ou gasolina, em qualquer situação fica mais económico o carregamento de um veículo elétrico – especialmente se o carregar em casa, como vai ficar a perceber de seguida.

Hoje, no blog da Goldenergy, vamos tratar deste assunto e ajudá-lo a entender como fazer os cálculos dos seus consumos com um veículo elétrico.

Venha daí e acompanhe! 😉

Custos de carregamento de um veículo elétrico

A mobilidade elétrica já não é uma coisa do futuro. É uma realidade presente, crescente e que veio para ficar. Prova disto é o olhar que os mais diversos setores colocam sobre a questão. Desde o setor energético aos responsáveis pelo projeto e pela produção destes veículos, passando pelos setores governamentais que fazem avançar com legislação específica, e sem esquecer as entidades voltadas para a questão do meio ambiente – e, claro, dos consumidores, cada vez mais atentos.

Mas, afinal, o que se paga por carregamento? Esta não é uma pergunta com resposta fixa. A verdade é que o valor do carregamento de um veículo elétrico é variável e depende dos preços praticados pelo Comercializadores de Eletricidade para a Mobilidade Elétrica (CEME) com quem o condutor tem contrato ativo de fornecimento de eletricidade – ou seja, a quem contrata a energia que consome.

Isto significa, de forma simples, que o preço pago por carregamento difere entre condutores, mesmo que carregue os seus veículos num mesmo posto de carregamento – isto porque os valores da energia consumida durante o carregamento são fixados pelo contrato de eletricidade que cada consumidor celebra com um comercializador.

Mas não é só: aquilo que se fatura por carregamento vai depender, também, da potência escolhida durante o carregamento e, ainda, às taxas dos Operadores de Posto de Abastecimento – taxas cobradas pela entidade que opera na área do posto de carregamento.

E, para além do valor taxado para a energia e das taxas cobradas nas diferentes zoas de carregamento, somam-se outros valores, referentes aos impostos comuns de consumo – o valor do IEC e do IVA.

Ficou ainda mais confuso? Calma, vamos tirar as dúvidas. 🙂

Como calcular quanto custa carregar um automóvel elétrico?

4 pontos que deverá analisar para ficar a conhecer os custos de carregar um automóvel elétrico:

  1. o veículo escolhido;
  2. o tipo de contrato de energia;
  3. o local de carregamento;
  4. o tipo de carregamento selecionado.

Se seguir as dicas que deixamos neste artigo e analisar bem cada um dos pontos que vamos deixar a seguir, as contas vão ser bastante simples de fazer e fica a saber onde é mais barato carregar o seu veículo elétrico. Vamos lá? 😀

O local do carregamento interfere com o preço da energia?

Vai carregar em casa? Então, basicamente, os custos dependem do preço do KWh que está estabelecido no contrato de energia – e já abrange as possíveis variáveis, como descontos na fatura e preço da potência contratada.

Se vai carregar na rede MOBI.E, então, existem mais fatores que deve considerar para fazer as suas contas: o preço cobrado no ponto de carregamento escolhido, e o seu contrato assinado com o CEME.

É mais barato carregar um carro em casa ou na estrada?

Para calcular o custo de carregamento de um veículo elétrico, quando realizado em casa, só precisa de saber quanta energia consome o automóvel para percorrer 100Km – tal como faz com o depósito de combustível de um veículo tradicional.

Este é um valor commumente medido em quilowatt-hora – ou seja, através da medida que representa o consumo energético de um dispositivo de potência 1kW por um período de uma hora de funcionamento.

Assim, vamos imaginar um cenário hipotético em que paga em casa 0,22 cêntimos por kWh, para carregar totalmente um veículo elétrico com uma bateria de 35,5kWh e autonomia para 300km. Os custos seriam de 2,60 euros por cada 100Km – um total de 7,81 euros para carregar a totalidade da bateria.

Já consegue perceber a poupança? 🙂

Para poupar basta que faça uma escolha consciente e económica do contrato de eletricidade. 🙂 Fale com a Goldenergy e perceba melhor todas as vantagens que tem ao escolher carregar o seu veículo elétrico com a energia de casa, através de uma smallbox e um contrato connosco.

Temos soluções e tarifas amigas da carteira (com energia amiga do planeta). Se quer poupar e pensa verde, somos a solução que procura para a sua mobilidade elétrica. 😀

Paga mais pelo carregamento em pontos da rede MOBI.E?

Como nem sempre é possível fazer os carregamentos em casa, importa perceber quanto custa fazê-los através dos pontos da rede MOBI.E.

Imaginemos um contrato em que está fixado cobrar 0,22 cêntimos por cada kWh consumido – tal como no contrato de eletricidade de casa. Agora, some a taxa do operador, que é variável, e os impostos – IVA e IEC.

Não é difícil perceber que, ao somar tarifas e taxas, mais impostos, gasta mais para carregar um veículo elétrico através da rede. Ainda assim, é mais barato do que conduzir um carro movido a combustíveis fósseis.

7 dicas para poupar dinheiro ao carregar um carro elétrico

Sim, o investimento inicial num veículo elétrico é maior, face ao investimento num veículo de combustão, mas a poupança a longo prazo compensa.

Para além de poupar com os quilómetros que faz, porque paga mesmo menos pela energia consumida do que pelo combustível fóssil que utilizaria, ao optar por conduzir um veículo elétrico vai fazer outras poupanças – nomeadamente com a ajuda dos incentivos do Governo para a compra, o menor custo com a manutenção do automóvel, a possibilidade de estacionamento gratuito em muitas cidades (como Lisboa, por exemplo), a isenção do Imposto Sobre Veículos (ISV) e a redução do Imposto Único de Circulação (IUC).

Mas não é só: também há dicas que pode seguir para poupar quando carrega um elétrico. E vamos partilhá-las consigo. Adiantamos que são simples de seguir e têm muito a ver com a sua condução, que pode promover a autonomia. 😉

1 – Abrandar: quanto mais pisar no acelerador, mais vai consumir e menos Km vai fazer com a mesma energia.

2 – Conduzir suavemente: manter uma velocidade abaixo dos 100Km/h ajuda a manter a autonomia.

3 – Usar a travagem regenerativa: os elétricos regeneram energia ao abrandar através do próprio sistema de “travagem regenerativa”. Ao ter de parar o veículo, deixe que o sistema trabalhe e não use só o travão.

4 – Verificar a pressão dos pneus:  circular com baixa pressão só aumenta o consumo de energia e desgasta os pneus.

5 – Aprender como carregar bem a bateria: não tenha sempre o veículo a carregar. O ideal, para prolongar a autonomia, é concluir o carregamento mesmo antes da viagem.

6 – Menos peso a bordo: para aumentar a eficiência de qualquer automóvel é boa ideia retirar-lhe peso desnecessário. Isto aumenta a autonomia entre 1 a 2%.

7 – Valorizar o papel da aerodinâmica: os veículos elétricos são concebidos, desde o seu design, com base na valorização da sua aerodinâmica. Valorize isto e evite desperdiçar parte do trabalho de engenheiros e designers. Como? Não instale barras de tejadilho e malas que possam prejudicar. Quanto menos resistência à passagem de ar, mais eficientes são os elétricos – e isto é sinónimo de mais autonomia. 😉

A Goldenergy e a Mobilidade Elétrica

Agora que já ficou a perceber quanto custa carregar um automóvel elétrico, em casa ou na estrada, fica também a saber que, por cá, estamos a caminhar para o futuro ao seu lado – e a sua poupança importa para nós.

Criar as melhores soluções para a sua mobilidade elétrica é uma prioridade da Goldenergy.

Quando escolhe ser cliente Gold decide pagar menos e só consumir energia 100% verde, totalmente limpa e com garantia de origem descrita na fatura.

Ainda não é nosso cliente? Adira agora e usufrua dos muitos benefícios de ser um cliente Goldenergy – em casa ou na estrada. 😉 Estamos à sua espera do lado de cá.

Partilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Quer aderir? Nós ligamos, grátis.

Deixe os seus dados para entrarmos em contacto consigo.

Poupe em casa e cuide do planeta escolhendo energia 100% verde.

Quer receber primeiro uma proposta? Simule e veja quanto vai poupar.

Artigos recentes

Preocupado com as faturas da energia? Sabemos que nunca foi tão urgente pensar em formas de pagar menos pelos consumos...
Estes aparelhos representam uma das possíveis escolhas que podemos fazer para aquecer a água da nossa casa, no caso de...
A autonomia dos carros elétricos é, e tem razão de ser, uma das maiores preocupações de quem quer comprar um...

Mais lidos

Se ainda não é nosso cliente, agora vai querer ser. Conheça o nosso programa Campanha Amigo e saiba como ganhar...
Nos períodos de confinamento a recolha da leitura pelo técnico pode estar condicionada e é importante comunicar o consumo para...
Durante o mês de Novembro de 2020 o setor da energia assistiu a mais um importante passo na agilização de...