Goldenergy,

Como são os painéis solares para varandas?

Índice

Se vive numa moradia unifamiliar, é bastante mais simples optar pela instalação de placas fotovoltaicas para produção de energia em regime de autoconsumo – basta escolher a empresa que vai fazer a instalação, como a Goldenergy, e pedir uma avaliação do espaço que vai receber os equipamentos. Não precisa, sequer, de pedir autorização a ninguém. Mas, se vive em apartamento, sabe como funciona? Conhece as soluções que existem? A opção pela colocação de painéis solares para varandas é um dos caminhos a considerar.

Esta é, aliás, uma das duas escolhas que pode fazer e bastam alguns passos para que possa captar energia solar – a outra possibilidade é decidirem, todo o condomínio em conjunto, pela criação de um parque solar no telhado do edifício.

Vamos conhecer melhor a ideia de ter placas fotovoltaicas na nossa varanda e perceber como pode ser uma opção vantajosa para si, que vive em apartamento ou num imóvel arrendado. 😉

Fique por cá e acompanhe tudo. 😀

Preciso de ter  autorização do condomínio?

Boas notícias! 😀 Para ter painéis solares na varanda, terraço ou pátio particular não necessita da aprovação dos vizinhos, nem do condomínio.

Esta autorização é exigida e obrigatória quando existe a vontade de criar um parque solar numa parte comum do edifício, como o telhado. Aí, sim, a instalação de placas fotovoltaicas terá de ser autorizada, formalmente, através de um pedido enviado ao administrador do condomínio – particular ou empresa de gestão. A aprovação em assembleia é considerada válida quando há 2/3 dos condóminos de acordo. A parir daí é possível arrancar com todo o processo.

Muitas vezes, o que acontece é que os condóminos se juntam para darem início a um projeto comum, para todo o edifício. A solução pode ser vista como benéfica, até, para o próprio condomínio, que passa a poupar nas faturas de eletricidade. No entanto, o processo pode ser longo e não ser possível entrar em acordo com os vizinhos.

Então, e a outra solução que tem para conseguir gerar energia solar no seu imóvel? É sobre este tema que vamos aprofundar conhecimentos e descobrir mais, a partir de agora. 😉

Varanda. Já pensou em usar a sua para receber painéis solares?

Se tem uma varanda com espaço suficiente – ou mesmo um pátio privado que faça parte da sua residência – pode optar por um projeto individual de autoconsumo de energia.

Não há, na verdade, qualquer limite legal que o impeça de instalar uma UPAC – Unidade de Produção para Autoconsumo -, mas atenção: há fatores físicos, relativamente ao espaço, que condicionam a viabilidade do projeto. A exposição solar é absolutamente fundamental, como bem sabemos.

Em algumas situações o que acontece é que a varanda ou terraço não dispõe de metros quadrados suficientes para receber os painéis necessários para gerar e abastecer de energia o imóvel. Nessas situações, o investimento não justifica o retorno – ou seja, o rendimento das placas fotovoltaicas.

E qual é o espaço mínimo considerado como ideal?

Para instalar uma base e um painel solar para varanda, o espaço deve somar uma área de 2,5m2 – no mínimo. Por isso, tire as medidas e fique já a saber se esta é uma solução viável para si. 😉

Posso instalar sozinho um painel solar para varanda?

Mesmo que seja mais engenhoso do que a média, o nosso conselho é que peça orientação a técnicos especializados no assunto. Antes de tomar uma decisão, não custa pedir a opinião de quem entende desta matéria. A Goldenergy pode ajudá-los com as suas dúvidas. 😉

Posso “forrar” toda a varanda com os painéis solares?

Se a instalação for colocada dentro do seu espaço de varanda, não há nada com que se preocupar: pode fazer como bem entender. No entanto, se a ideia é pendurar as placas voltadas para o exterior – já existem opções com uma estética bastante apelativa no mercado -, então tudo muda de figura. Vai mesmo precisar de uma autorização especial.

Isto porque os terraços, varandas e fachadas dos imóveis são projetados seguindo determinadas regras urbanísticas. Assim, tal como não podemos pintar ou mudar as cerâmicas externas da nossa fachada, também não podemos forrar o nosso exterior com painéis solares sem a devida autorização – que deve ser solicitada à autarquia.

Se quer pendurar os seus painéis solares, fica a saber: deve verificar se é possível junto da câmara municipal da área do imóvel.

Os painéis solares para varandas são especiais?

Os painéis solares para varandas mais modernos do mercado foram desenhados e concebidos para ocupar estes espaços, em específico, sendo leves e flexíveis, e utilizando um sistema de produção de energia por irradiação – ou seja, para períodos de sombra parcial.

Como funciona um painel solar de varanda?

Os modelos mais recentes nem exigem instalação: basta pendurá-los, ligá-los a uma ficha e esperar pelos seus resultados.

No entanto, também é possível encontrar painéis solares “tradicionais” para instalação em varandas – uma instalação que é feita em “pirâmide”.

Quantos painéis solares são necessários para um apartamento?

Se fizermos as contas na ponta do lápis – e já as fizemos aqui -, seria necessário dispor de uma área bastante mais generosa do que a maior parte das varandas dos portugueses: seria preciso cobrir entre 10 a 20m2 com placas fotovoltaicas para que fossem satisfeitas todas as necessidades de uma família de quatro pessoas. Mas a verdade é que, ainda que não seja possível gerar energia para a totalidade da necessidade de consumo do imóvel, é sempre possível poupar euros que importam ao final do mês.

Há várias condicionantes que têm impacto direto na produção de energia solar pelos painéis, como potência e exposição solar – e importa ter isto em consideração quando se faz o cálculo. Ainda assim, é possível traçar uma média. Ora, vejamos:

Um painel solar com, mais ou menos, a dimensão de uma tábua de passar a ferro (e potência de 200 W) é capaz de produzir até 90 kWh de energia elétrica, por ano – cerca de 1,3 kWh de eletricidade por dia.

Importante: atenção à potência! Se a instalação dos seus painéis solares tiver uma potência inferior a 350W não terá de comunicar nada à DGEG – no entanto, acima desse número a comunicação torna-se obrigatória e se for muito superior pode exigir, até, uma licença especial.

Painéis solares Goldenergy

Na Goldenergy crescemos e evoluímos para cuidar das necessidades dos nossos clientes – e sempre de olhos postos no cuidado com o planeta. Conte connosco se quiser comprar e instalar painéis solares para varandas. 😀

Poupe até 50% na fatura da luz se adotar o autoconsumo de energia solar. A Goldenergy pode ajudá-lo nisto. 😉 Fale connosco e saiba mais sobre a nossa oferta de painéis solares. Vamos ajudar a calcular os seus consumos mensais com eletricidade para, então, indicar a solução mais adequada às suas necessidades.

E pode pagar pelas placas solares – e pela instalação – através de mensalidades, para que esta decisão nunca pese no seu bolso. 😀

Ainda não é um cliente Goldenergy? Até custa a acreditar. Mas, se é mesmo verdade, achamos que está na altura de aderir à nossa energia 100% verde.

Aproveite a redução do IVA para 6% e apanhe a onda do autoconsumo. 😉

Quer saber mais? Ligue 800 501 070, gratuitamente.

Partilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Quer aderir? Nós ligamos, grátis.

Deixe os seus dados para entrarmos em contacto consigo.

Poupe em casa e cuide do planeta escolhendo energia 100% verde.

Quer receber primeiro uma proposta? Simule e veja quanto vai poupar.

Artigos recentes

Conduz ou quer conduzir um elétrico? Já pesquisou sobre apoios do Estado, vantagens da condução, benefícios para o meio ambiente...
O Regulamento da Mobilidade Elétrica em Portugal (RME), publicado e vigente desde 2015, pela Entidade Reguladora de Serviços Energéticos (ERSE),...
Neste artigo a Goldenergy explica-lhe o que é e como funciona o kit de bombeamento de água com energia solar....

Mais lidos

Se ainda não é nosso cliente, agora vai querer ser. Conheça o nosso programa Campanha Amigo e saiba como ganhar...
Nos períodos de confinamento a recolha da leitura pelo técnico pode estar condicionada e é importante comunicar o consumo para...
Durante o mês de Novembro de 2020 o setor da energia assistiu a mais um importante passo na agilização de...